terça-feira, 3 de maio de 2016

Máus hábitos a cozinhar que deve deixar

Alguns hábitos podem ser difíceis de quebrar. Quando se trata de cozinhar, você pode ter alguns maus hábitos de que não esteja ciente. Alguns podem impedir que a sua refeição atinja a perfeição, enquanto outros podem realmente ser perigosos para a sua saúde.

  1. Aquecer o óleo/azeite até ao ponto de fumo. Muitas receitas requerem que se inicie o processo de confeção colocando gordura na panela, uma pequena distração de segundos pode aumentar a temperatura de tal forma que a gordura atinge o ponto de fumo, que é uma temperatura a partir da qual a gordura perde os seus antioxidantes e forma compostos prejudiciais à saúde.
  2. Mexer constantemente no cozinhado. Quem tem aquele vício de estar sempre a mexer, virar, abanar... este mau hábito faz com que o alimento não cozinhe de forma apropriada, evita que se formem as crostas acastanhadas que conferem qualidade palativa ao alimento.
  3. Encher demasiado o tacho. Para além de ser mais difícil de lidar com os alimentos que lá estão colocados, se encher um tacho de carne por exemplo, este procedimento  vai fazer baixar a temperatura ao ponto de comprometer a qualidade da confeção. 
  4. Não deixar a carne repousar. Quando se está com fome e pressa incluída, o que acaba por acontecer é comer logo o que se cozinhou, este erro, pode pôr em causa a qualidade do que acabamos de cozinhar, algumas carnes, especialmente as de melhor qualidade precisam de repousar para que a sua suculência seja maximizada.
  5. Utilizar utensílios metálicos em panelas anti-aderentes. Este mau hábito pode fazer com que a película anti-aderente se rompa e a comida fique contaminada.
  6. Lavar a carne. Este hábito vai fazer com que se percam alguns nutrientes assim como vai alterar a estrutura da peça. O processo de confeção elimina as bactérias, não precisa de lavar a carne.
  7. Esperar que a comida esfrie para  a guardar. Para garantir a segurança alimentar do que cozinhou deve tapar de imediato ainda quente.