sábado, 10 de maio de 2014

Há muita gente que se preocupa em contar calorias... mas os químicos, contam?



É verdade, devemos  ter sempre em conta o que os alimentos levam para poderem durar mais. É inegável a evolução que a indústria alimentar teve, conseguiu enriquecer, preservar, melhorar características organolépticas, criou novos produtos alimentares... No entanto, um produto alimentar, com tempo de prateleira no supermercado precisa, na maior parte dos casos, passar por processamento alimentar, seja ele por processos que envolvam temperatura, adição de conservantes, corantes, antioxidantes, radiação, envolvidos em atmosferas modificadas, etc...
Quanto mais processado e produzido em grande escala mais produtos químicos estes levarão e é sem dúvida um factor a ter em conta pelo consumidor.